Onde estou? Notícias - Indústria de móveis cresceu 5,9% em 2017, segundo associação de varejistas do setor
| Indústria de móveis cresceu 5,9% em 2017, segundo associação de varejistas do setor

Data: 09 de Maio de 2018 | Lida 488 vezes. | Aumentar Fonte | Diminuir fonte | Imprimir

Janeiro de 2018 apresentou crescimento de 12,4% na produção de móveis em relação ao mesmo período de 2017

A Associação Brasileira das Indústrias do Mobiliário (Abimóvel) divulgou, recentemente, dados sobre o setor moveleiro no Brasil. O Relatório de Conjuntura e Comércio Externo analisou os dois primeiros meses de 2018 em relação à produção de móveis. Em janeiro, houve um aumento de 12,4% na produção de móveis em volumes em comparação com o mesmo período de 2017. No acumulado dos últimos 12 meses, a alta foi de 5,9%.

O relatório mostra que a indústria de transformação teve um crescimento de 2,2% em janeiro de 2018 em relação a dezembro de 2017. Na comparação com o primeiro mês de 2017, a alta foi ainda maior, de 6,7%. Os resultados abrangem desde compras de produtos por empresas, como uma cadeira presidente giratória, por exemplo, até os móveis comprados para uso doméstico. 

Exportações e importações 

A Abimóvel também divulgou informações sobre as exportações e importações em volumes de peças, em valores e seus respectivos preços médios. Em relação às importações, o estado de São Paulo foi o maior representante, com 43% das importações brasileiras de móveis entre os meses de janeiro e fevereiro de 2018. Em seguida, estão Santa Catarina (14,3%), Paraná (10,7%) e Goiás (6,8%). Como pode-se perceber, o Sul é a região com maior destaque, já que, juntos, os estados representam 31,2% do total de valores importados.

A região Sul segue com a sua hegemonia também nas exportações, com 80% do total de exportações de móveis brasileiros. Nessa categoria, temos o estado de Santa Catarina como o maior representante, com 38,5% das exportações, seguido por Rio Grande do Sul (26,2%) e Paraná (15,2%). Os três estados tiveram um crescimento no número de exportações no comparativo com os dois primeiros meses do ano de 2017. São Paulo e Minas Gerais estão em seguida, com 12,2% e 3,6% do total exportado em janeiro e fevereiro de 2018, respectivamente.

O Relatório Conjuntura e Detalhamento do Comércio Externo ainda inclui diversos outros dados que são importantes para analisar o setor moveleiro no Brasil. A pesquisa apresenta gráficos, percentuais examinados mensalmente sobre a evolução da produção física, do pessoal ocupado, média salarial, produtividade do setor, importações e exportações, vendas do varejo de móveis e inflação, descreve os resultados obtidos por países de origem e destino, estados importadores e exportadores, entre diversos outros dados relevantes para o setor.

 

https://www.agoravale.com.br/noticias/Economia/industria-de-moveis-cresceu-5-9-em-2017-segundo-associacao-de-varejistas-do-setor

CopyRight 2011 D’Melo Esquadrias de Madeira. Todos os direitos Reservados. Contato: (51) 3722 6260